quinta-feira, 18 de junho de 2009

Li A Oxford de Lyra

Olá a todos,

Minha obra favorita em termos de literatura é sem duvida Fronteiras do Universo (His Dark Materials), e com esse novo livro (não tão novo assim, é que demorou pacas para chegar ao Brasil, finalmente!), Philip Pullman cria uma espécie de epílogo da trilogia. Nele encontramos novamente Lyra dois anos após a conclusão dos eventos acompanhados em A Luneta Âmbar, quando ela se depara com um dæmon de uma bruxa (feiticeira, nesta tradução, lamentável) que precisa de auxílio para encontrar um antigo alquimista. Ela tenta dentro do possível ajudá-lo e a escondê-lo, pois as pessoas ficariam assustadas ao verem um dæmon sem o seu humano correspondente (somente os das bruxas e de mais uma pessoa, que quem leu a trilogia sabe quem é, podem se distanciar).

Novamente as citações à física quântica são incluídas de maneira sutil e até explícita na introdução do livro onde o autor cita que esses acontecimento iriam modificar o passado (sim, essa é uma das teorias, onde o presente modifica o passado).

Infelizmente a estória é curta demais deixando aquela sensação de quero mais, de preciso mais. O que irá acontecer agora? Sem contar que o livro levanta situações não explicadas que mostram que a estória ainda não terminou, e que vai vir mais por aí. Deixando assim a pergunta: Qual a ligação entre Lyra e as aves? Por que elas a vigiam constantemente?

Talvez essa e outras respontas venham no Livro do Pó, que o autor esta escrevendo atualmente.

Além da estória, também vem um mapa dobrável de OxfordShire e das Faculdades de Oxford, alguns catálogos de produtos e postais; o que lembra um pouco aqueles livrinhos satélites que a J.K. Rowling lançou sobre o mundo do Harry Potter.

Minha nota: 7,5 Compra obrigatória a todos, que como eu, são fãs da Trilogia Fronteiras do Universo. Pena que foi muito curto. E que venha logo o próximo livro.

3 comentários:

Leonardo disse...

Eu simplesmente amo a trilogia. Ainda nao li A Oxford de Lyra; na verdade to comprando ele agora.

Ah! o q vc achou do filme? Bom! na minha opiniao, todos os filmes q se baseiam em algum livro, passam a desejar. Mas, sinceramente, queria uma continuacao .. buaaaaaá rsrs. Ouvi dizer q a igreja catolica "embargou" por se tratar de heresia hehe ... sou evangelico e vejo o livro como uma fantasia so isso! seria uma bobeira a a igreja se meter nisso. O q vc acha? abracos.

Glaucio disse...

Olá Leonardo,

Bom vou tentar responder às suas questões:
Se achei o filme bom? Não, não achei. Ele não consegue transmitir a emoção do livro, e ainda teve que carregar a responsabilidade de ser um "novo senhor dos anéis" (Veja o trailer que você vai notar isso).
Quanto a continuação, o roteiro (que já estava pronto) foi pra gaveta devido ao fracasso do primeiro filme.
O medo da Igreja, é que os livros poderiam trazer alguma influência ateísta às crianças, por isso o filme foi mas ameno aos ataque à Autoridade.

Até+

Breno disse...

Olá Gláucio, queria saber onde você comprou o livro, achei uma promoção ótima na Saraiva (A Oxford de Lyra + Sally e a Maldição do Rubi). O mapa e os postais vieram em alguma edição especial? (Porque adoro esses "adicionais")